Óculos e lentes de Qualidade

Av. Benedito Luiz de Medeiros, 411 – Galo Branco – São José dos Campos

Tel: 12 3905-1028 | WhatsApp: 12 99620-7465 | Email: contato@oticafabi.com.br

Exame de Vista

São vários os tipos de exame de vista existentes. O mais conhecido deles é o exame de refração, que tem por objetivo identificar a necessidade de usar óculos.

Procuram (ou deveriam procurar) pelo exame de vista pessoas que estão com dificuldades para enxergar de longe, de perto ou que estão com a visão embaçada. Sentir dor de cabeça, ter excesso de sensibilidade à luz, ficar com os olhos  lacrimejando, também estão entre os principais sintomas de quem precisa usar óculos de grau.

Também precisam passar anualmente por exame de vista as pessoas que já usam óculos e as que têm mais que 40 anos, independentemente de usar ou não óculos de grau.

 

 

O exame de vista do tipo refrativo pode ser feito pelo oftalmologista ou pelo optometrista. É nele que se diagnostica a existência de problemas como miopia, hipermetropia, astigmatismo e/ou presbiopia. São estes os profissionais responsáveis pela prescrição da receita dos óculos.

Tipos de exame de vista

Além do exame do tipo refrativo, existem outros tipos de exames de vista que podem ser feitos, cada qual com seu objetivo em específico.

  • O teste de Snellen é um exame do tipo primário, que tem por objetivo identificar o nível da acuidade visual do paciente. É também conhecido como teste de acuidade visual e pode ser aplicado por médico do trabalho e outros profissionais correlatos. Preparamos pra você um teste de Snellen, que te permite testar, no conforto da sua casa, como está a sua visão. Para acessá-lo, basta clicar aqui.

 

  • Teste Ishihara: É o exame realizado para diagnosticar daltonismo (dificuldade ou incapacidade de se perceber ou distinguir as cores). Se você conseguir identificar o número contido na imagem abaixo, você não sofre dessa doença.

exame de vista

  • Exame OCT (tomografia de coerência óptica): ele é utilizado, principalmente, para o diagnóstico e acompanhamento de doenças ou condições que causam alterações na retina, na coroide e no nervo óptico.

 

  • Ceratometria: é um exame necessário para alguns usuários de lentes de contato e tem por objetivo determinar o grau de curvatura do centro da córnea.

 

  • Mapeamento de retina: É um exame que permite avaliar o fundo do olho e suas estruturas. Sua realização requer a dilatação da pupila. Permite diagnosticar doenças de visão e acompanhar a evolução de doenças sistêmicas, como diabetes, por exemplo.

 

Ainda existem outros vários tipos de exames, muito específicos e que auxiliam no diagnóstico e no tratamento de doenças de visão.

Importante frisar que o médico oftalmologista é o único profissional capacitado para diagnosticar / tratar de doenças e realizar cirurgias nos olhos. O optometrista que, ao fazer o exame de vista refrativo, identificar sintomas que sugiram a existência de doenças nos olhos, fará o encaminhamento do paciente ao oftalmologista. Para entender melhor a diferença entre as atuações do médico oftalmologista e o optometrista, confira nosso artigo.

 

Continue no blog:

Exame de vista em ótica: 4 dicas para evitar prejuízos a sua visão e ao seu bolso

Insônia: Evite-a protegendo seus olhos da luz azul

 

exame de vista

Deixe um comentário